Categoria: Viagens da Moda

Dicas para alugar um carro durante uma viagem

Dicas para alugar um carro durante uma viagem

As viagens tornam-se mais confortáveis ​​e produtivas com o equipamento certo. Um carro perfeito para o trabalho. 

Aluguel de Van na sua próxima viagem é uma das melhores maneiras de se locomover e descobrir um lugar onde você nunca esteve. Se você nunca alugou um carro antes, temos algumas dicas úteis para ajudá-lo ao volante de um carro alugado sem drama.

Não alugue no aeroporto

Tudo fica mais caro quando você está em um aeroporto, e isso vale para aluguel de carros também. Não alugue logo ao sair do avião. É mais conveniente, com certeza, mas é possível economizar dinheiro se você pegar um táxi para uma locadora fora do aeroporto.

Ao alugar um carro, certifique-se de verificar meticulosamente o veículo, por dentro e por fora, antes de retirá-lo do estacionamento. 

Ao alugar um carro, certifique-se de verificar meticulosamente o veículo, por dentro e por fora, antes de retirá-lo do estacionamento.

Dê ao veículo uma inspeção completa

Verifique todo o veículo antes de sair do estacionamento. Isso inclui interior, exterior, motor e porta-malas. Observe atentamente se há amassados, arranhões, amolgadelas, peças soltas, tinta desbotada e componentes ausentes. 

Certifique-se de informar a equipe da locadora de veículos sobre suas descobertas e documentar usando fotos. 

Outro item em sua lista de verificação deve ser verificar o carro pelo número VIN para ter certeza de que você está recebendo um veículo em boas condições de circulação e não um junker que esteve em vários acidentes.

Cartões de crédito são seu melhor amigo

Você sempre desejará usar seu cartão de crédito para fazer reservas de aluguel. Na verdade, a maioria das locadoras de veículos nem mesmo aceita cartões pré-pagos e cartões de débito. 

Isso ocorre porque eles precisam verificar sua pontuação de crédito para verificar se você realmente pode pagar o valor do aluguel, seguro, pedágios e quaisquer encargos extras. Economize tempo e frustrações desnecessárias usando seu cartão de crédito.

Escolha seu próprio seguro

Eu recomendo fortemente que você evite fazer seguro com a locadora de veículos, porque eles são extremamente caros. Procure opções mais acessíveis antes de pegar seu carro.

 Você também pode verificar com sua seguradora existente para ver se seu plano cobre aluguel. 

Muitos cartões de crédito para viagens também vêm com proteção de aluguel incorporada, certifique-se de verificar as letras miúdas entrando na Internet ou ligando e fazendo perguntas específicas.

Os melhores preços estão online

Navegue online para encontrar os melhores preços, geralmente com dias ou semanas de antecedência para obter o menor preço possível. Desconfie de algumas locadoras de veículos, nem todas são honestas. 

Literalmente vale a pena fazer sua devida diligência neles. Pesquise as empresas que estão oferecendo os preços mais baixos e verifique se há sinais de alerta nos fóruns. Se um preço for incrivelmente baixo, geralmente significa que é bom demais para ser verdade.

Abasteça antes de devolver o carro

Não se esqueça de encher o tanque de gasolina antes de devolver o veículo. As locadoras de veículos cobram um preço exorbitante pelo combustível assim que ele é devolvido. 

Às vezes, três ou quatro vezes o preço de um posto de gasolina por galão. Leva apenas alguns minutos e pode economizar muito dinheiro.

Consórcio para viagem: você sabia que dá para viajar com uma carta de crédito?

Consórcio para viagem: você sabia que dá para viajar com uma carta de crédito?

Poucas pessoas sabem da existência do consórcio de viagens, no entanto, ele existe e permite que as pessoas possam ter acesso à viagens que dificilmente conseguiriam guardar dinheiro para tal. Porém, as dúvidas a respeito do assunto ainda são bem grandes, visto que muitas vezes o consórcio acaba sendo malvisto por muitos, desta maneira, a melhor forma de saber mais é pesquisando.

O consórcio de viagens frequentemente pode ser uma excelente opção para aqueles que não tem como pagar sua viagem à vista, lembrando ainda que em geral as parcelas com as agências são ainda mais altas do que as parcelas de um consórcio abaixo falaremos mais sobre o assunto.

Consórcio para viagem: você sabia que dá para viajar com uma carta de crédito? (foto: internet)
Consórcio para viagem: você sabia que dá para viajar com uma carta de crédito? (foto: internet)

Saiba como funciona o consórcio de viagens

Sobre o consórcio de viagens o mesmo não é tão diferente dos demais, na verdade, em relação a esse consórcio é muito importante lembrar que o mesmo funciona da seguinte forma: as pessoas interessadas em começar um consórcio escolhem uma empresa administradora, essa mesma deve ser liberada pelo Banco Central do Brasil.

Desta maneira, ao encontrar essa administradora, então a pessoa pode entrar em um grupo que realmente está interessado em fazer uma espécie de poupança, sendo que os mesmos devem ter a mesma finalidade: viajar através de consórcio.

Sendo assim, todos esses participantes devem enfim assinar um contrato e por fim devem começar a pagar parcelas mensalmente, sendo que os pagamentos devem acontecer de acordo com o período de duração que está previsto neste contrato em questão.

Sendo assim, é administradora que fica responsável pelo manejo dos pagamentos mensais desse consórcio de viagens, além do mais, é a própria quem administra os sorteios também.

Além do mais, muitas pessoas possuem dúvidas sobre em quanto tempo esses consórcios podem durar, em geral é bom lembrar que esses mesmos podem acabar durando de 1 a 4 anos.

Logo caso essa pessoa de fato não seja sorteada, então a mesma deve esperar até o final do contrato para ter acesso a carta de crédito, sendo assim, abaixo falaremos mais sobre a carta de crédito.

Entenda como funciona a carta de crédito

Sobre a carta de crédito ofertada no consórcio de viagens é preciso saber que a mesma nada mais é do que um documento financeiro, nesse mesmo o consorciado acaba recebendo a mesma no momento da contemplação.

Essa carta é muito importante pois permite que a pessoa consiga adquirir seu bem ou que a mesma ainda contrate um serviço de acordo com esse valor que está estipulado desde o inicio no contrato.

Essa carta é válida para diversos tipos de consórcios, seja para aquelas pessoas que desejam adquirir um imóvel, comprar carros ou motos, e ainda contratar serviços, sendo assim, o consórcio é uma das melhores maneiras de realizar sonhos para algumas pessoas.

Sendo assim, os consorciados em questão precisam apenas efetuar pagamentos de parcelas mensais, tudo isso de acordo com o prazo escolhido pelo responsável cotista, sendo que os mesmos acabam participando de assembleias para que possam ser sorteados para enfim receber esse valor de crédito.

Como conseguir Desconto em Viagens com Carteirinha de Estudante

Como conseguir Desconto em Viagens com Carteirinha de Estudante

O dia a dia dos estudantes é atribulado e repleto de responsabilidades, ainda que nem todos eles se esforcem tanto quanto deveriam. Em contrapartida, há quem percorra longos trajetos tendo como objetivo principal estudar. E nisso a carteirinha de estudante pode ajudar.

Há divergências nas determinações legais a nível nacional sobre passe livre ou meia passagem para alunos da rede pública e privada. Somente quem tem baixa renda comprovada recebe prioridade. Mesmo assim, municípios e estados têm leis próprias que contemplam os demais estudantes.

Vamos ver a seguir 3 casos em que a carteirinha de estudante pode ser usada para conseguir desconto em viagens, sejam elas curtas ou mais extensas. Confira logo na sequência!

Desconto em passagens municipais

Muitos alunos usam o transporte público coletivo. Devido à frequência das viagens urbanas, muitos municípios determinam desconto de até 50% e, em alguns estados, encontramos cidades com passe livre para os estudantes.

Como conseguir Desconto em Viagens com Carteirinha de Estudante (foto: internet)
Como conseguir Desconto em Viagens com Carteirinha de Estudante (foto: internet)

Como as regras variam de lugar para lugar, recomenda-se pesquisar os pré-requisitos. Além disso, é fundamental manter a carteirinha de estudante com a renovação anual em dia e usar o uniforme escolar no trajeto entre casa e escola.

Desconto em passagens intermunicipais e interestaduais

Mais uma vez, devido a normatizações estaduais ou a parcerias entre prefeituras de cidades próximas, os estudantes que apresentam a carteirinha em viagens intermunicipais e interestaduais conseguem abatimentos expressivos no valor do ticket.

Essa é uma excelente medida que contempla principalmente os secundaristas e universitários. Qualquer economia que ajude os jovens já ajuda e é bem-vinda, não é mesmo?

Grandes portais de aquisição de passagens de ônibus, como o rodoviáriaonline.com.br, aceitam a carteirinha de estudante internacional (ISIC) para oferecer um desconto padrão de 10%. A boa notícia é que essa vantagem se aplica não somente para o trajeto escolar mas também para viagens de férias ou a passeio.

Pouca gente sabe, mas é possível obter a carteirinha estudantil desde a educação infantil. Porém, no caso da versão internacional é estabelecida a emissão a partir do ensino fundamental, com idade mínima de 12 anos de idade. Em ambos os casos o documento pode ser renovado até a conclusão dos cursos universitários e extensões (pós, mestrado e doutorado).

Desconto em passagens internacionais

Quem vai fazer intercâmbio ou viajar para outro país, independentemente do objetivo, consegue descontos em diversas empresas de aviação com a apresentação da carteirinha de estudante internacional. Normalmente, a maneira mais fácil de conseguir essa barganha é comprando as passagens em agências de intercâmbio.

O percentual do desconto em viagens com carteirinha de estudante varia bastante. Em média, é possível garantir até 25% de abatimento. Diante dos valores mais elevados que as passagens aéreas têm, qualquer ajuda já compensa.

Com essas dicas para obter descontos usando a carteirinha de estudante nas suas viagens, você certamente pode programar as próximas viagens com mais tranquilidade. Vale a pena conferir os sites das empresas e ver se há uma política de descontos desse tipo.

Depois é só arrumar as malas e boa viagem!

Como Fazer uma Carteirinha Mundial de Estudante

Como Fazer uma Carteirinha Mundial de Estudante

Você sabia que existe uma carteirinha de estudante que pode ser usada internacionalmente? É a Carteira Mundial de Estudante ou simplesmente ISIC – sigla para International Student Identity Card. Hoje vamos discorrer sobre como fazer a sua.

A Carteira Mundial do Estudante é um documento que a Unesco reconhece, bem como mais de 130 países. Seu principal objetivo é oferecer benefícios para jovens que realizam intercâmbio, mas mesmo quem estiver viajando de férias pelo Brasil ou exterior pode fazer uso desse documento.

A partir de 2017, essa carteirinha de estudante internacional também passou a ser reconhecida para obter ingressos com meia entrada em shows e eventos de estabelecimentos cadastrados. Com isso, a sua popularidade cresceu ainda mais.

Continue acompanhando e saiba tudo sobre como fazer o seu ISIC!

Carteira Mundial do Estudante: quem pode fazer?

Como Fazer uma Carteirinha Mundial de Estudante (foto: internet)
Como Fazer uma Carteirinha Mundial de Estudante (foto: internet)

Todos os estudantes que estiverem matriculados nos mais diversos níveis de ensino nas instituições que são reconhecidas pelo Ministério da Educação podem solicitar o ISIC. Esse documento não pode ser obtido por quem faz cursos livre sem a autorização do MEC.

Os níveis de ensino dos quais fazem parte os jovens que são público alvo dessa carteirinha de estudante estão listados abaixo:

  • Ensino Fundamental Nível II (6º ano ao 9º ano)
  • Ensino Médio
  • Curso Técnico
  • Ensino Superior
  • Pós Graduação (Lato Sensu e Stricto Sensu)
  • Mestrado
  • Doutorado
  • Master in Business Administration (MBA)

Documentos exigidos para o cadastro

Não há idade mínima para fazer o cadastro, embora seja recomendado para maiores de 12 anos, que são os que podem tirar real proveito da ISIC. Os itens que fazem parte da lista de documentos e dados para tirar a Carteirinha Mundial de Estudante são:

  • Documento de identificação com foto (RG, CNH, RNE, Passaporte)
  • Cadastro de Pessoa Física (CPF)
  • Nome completo e gênero
  • Data de nascimento
  • Números de telefone
  • Endereço eletrônico (e-mail)
  • Endereço residencial
  • Nível de ensino
  • Nome da instituição onde estuda
  • Nome do curso
  • Número da matrícula
  • Fotografia 3 x 4 recente e digitalizada

No decorrer do processo, também deverá ser enviado um comprovante da escolaridade. Diversos itens são aceitos para erra verificação. Pode ser um boleto de pagamento de mensalidade, um comprovante de matrícula, uma declaração emitida pela instituição com assinatura e data em papel timbrado.

Onde fazer a solicitação

Com toda a documentação em mãos, o interessado em obter a carteirinha de estudante internacional deve visitar o site www.carteiradoestudante.com.br. Além de preencher os dados do formulário, será solicitado o pagamento de uma taxa de R$ 55,00. Os trâmites ocorrem via cartão de crédito e a entrega está inclusa (somente se for simples e não Sedex).

A ISIC chega na casa do titular pelos Correios em até 30 dias úteis. Porém, se assim preferir o estudante pode pagar a entrega via Sedex à parte e o documento vem em até 15 dias úteis. Outra possibilidade é retirar diretamente nos postos físicos da agência de intercâmbios STB.

Os jovens que têm conta universitária no Banco Santander têm direito a carteirinha ISIC sem a cobrança da tarifa. Para tanto, devem fazer o pedido no aplicativo do banco.

Pronto! Agora você já sabe como conseguir a tua Carteira Mundial de Estudante. Até breve!

Saiba tudo sobre viajar para Nova York pela primeira vez

Saiba tudo sobre viajar para Nova York pela primeira vez

A cidade de Nova York é rica em atrações turísticas e por isso muitas pessoas visitam esse local todos os anos. Mas se você vai viajar para lá pela primeira vez é preciso ficar atento a alguns aspectos, para aproveitar ao máximo da viagem.

Além da ponte do Brooklyn que é um local espetacular, você pode desfrutar de muitos outros locais históricos e encantadores nessa cidade. Neste artigo, saiba tudo sobre viajar para Nova York pela primeira vez. 

Fique atento a estação do ano

Se você vai viajar para Nova York pela primeira vez precisa ficar atento ao clima. Quando eu viajei para Nova York era época de verão, enquanto que aqui no Brasil era inverno. Por exemplo, se você pretende ir para Nova York nos meses entre dezembro e janeiro, saiba que esse é o período de inverno e você poderá enfrentar temperaturas abaixo de zero.

Agora, para quem pretende desfrutar do verão nova-iorquino, o ideal é viajar entre os períodos que vão de julho a agosto. Mas se o seu desejo é curtir uma temperatura média de vinte e quatro graus, então você deve viajar na época do outono ou primavera.  

Lembre-se do visto americano e do passaporte

Se você vai viajar para Nova York pela primeira vez, você deve providenciar o visto americano e o passaporte, pois esses documentos são fundamentais para qualquer pessoa que pretenda visitar algum lugar dos Estados Unidos.

É importante que o seu passaporte tenha um período mínimo de seis meses na data que você for viajar. Para retirar o passaporte é preciso que você acesse o site da Polícia federal, além de pagar uma taxa.

Além do passaporte é necessário ter também o visto americano, pois sem isso você não vai conseguir desembarcar nos Estados Unidos. Mas para conseguir esse visto você precisa acessar o site de Departamento de Estados dos Estados Unidos. Depois do preenchimento de um formulário, você também vai precisar pagar uma taxa, além de agendar uma entrevista no consulado americano.  

Use como transporte o metrô

Em Nova York existem muitos táxis e Uber, além de outros automóveis. Com isso, o trânsito fica bem complicado e você poderá chegar em seu destino muito atrasado. Para solucionar esse problema é muito simples, basta você usar como transporte o metrô.

Em Nova York existem muitas linhas e estações de metrô, que cobram mais barato do que os táxis e transporte por aplicativo. De metrô você pode se locomover de norte a sul da cidade. Além de ser mais barato, você ainda pode economizar muito mais comprando um bilhete que pode ser usado por sete dias. Com esse bilhete  você pode usar o metrô quantas vezes quiser e conhecer todos os pontos turísticos. 

Economize usando passes de descontos

Em Nova York você vai encontrar diversas atrações para todos os gostos. Nesse local você encontra diversos museus, teatros, shows, parques, passeios aquáticos, restaurantes e muito mais.

Porém, algumas dessas atrações possuem um valor de ingresso com preço bem alto. Uma dica muito valiosa para economizar um bom dinheiro é comprar passes de descontos. Com esses passes de descontos você pode aproveitar para se divertir em diversos lugares gastando pouco com o valor do ingresso. O passe permite que você usufrua de seis atrações em até nove dias.  

O que não pode faltar em uma viagem

O que não pode faltar em uma viagem

Viajar é sempre muito bom para conhecer novas pessoas e novas culturas. Quando viajamos podemos nos distrair e relaxar um pouco, e isso faz bem tanto para o corpo como para a alma. Mas antes de arrumar as malas é bom fazer um planejamento do que não pode faltar em uma viagem, assim você poderá viajar sossegada.

Não sabe quais são os itens essenciais que não podem faltar em sua viagem? Pois então esse artigo é para você, continue conosco e confira a seguir todos os itens que precisam estar em sua mala!

Documentos

É claro que ao arrumar as malas temos que procurar roupas e sapatos para usar, mas isso não é o principal, pois se não levarmos todos os nossos documentos pessoais, podemos ter várias complicações.

É fundamental levar o CPF, RG, e carteira de habilitação,  no caso dos adultos, e certidão de nascimento ou RG no caso das crianças. Se a sua viagem for internacional é necessário que você leve outros documentos, por isso a dica é sempre procurar quais documentos são exigidos conforme o país onde você vai viajar.

Cartões

Além dos documentos, você também precisa levar em sua viagem seus cartões de crédito e débito, pois com eles você terá mais facilidade de compra e por isso terá mais tranquilidade em sua viagem.

Também é indicado que você leve o número do telefone do Banco do Brasil em sua carteira, pois assim se você tiver algum problema de perda ou roubo do cartão ou até mesmo desejar ter um aumento de limite, você poderá ligar para a central de atendimento com facilidade de onde estiver.

Itens de higiene pessoal

É importante que você leve os itens de higiene pessoal que você e sua família podem precisar na viagem, assim você não irá ser surpreendida caso não tenha na hospedagem. Coloque em uma pequena bolsa shampoo, condicionador, escova de dente, creme dental, sabonete, papel higiênico e outros itens que vocês podem precisar.

Para ocupar pouco espaço, uma boa opção é comprar os itens em miniatura, assim você terá o que precisa e conseguirá levá-los sem ocupar muito espaço.

Roupas conforme a temperatura local

Antes de você começar a arrumar suas malas, procure saber um pouco mais sobre a temperatura do local de destino, assim você poderá levar as roupas adequadas para aquela temperatura.

Se você vai para a praia, o ideal é levar roupas leves e de verão, mas se você vai para o sul, o melhor é levar roupas grossas e de frio, pois as temperaturas são bem baixas.

Sapatos confortáveis

Para você aproveitar sua viagem é fundamental que você leve sapatos confortáveis, do contrário seus pés ficarão doloridos e você não irá curtir o passeio. O tênis é uma excelente opção, pois ele é confortável e combina com vários tipos de roupas.

Além do mais, ter sempre um chinelinho na mala é fundamental para que você possa deixar seus pés mais livres e confortáveis quando estiver em casa.

O que não pode faltar na sua mala irá variar conforme o destino onde você está indo, mas siga essas dicas que você terá uma ótima viagem em qualquer destino!

O que fazer para seu filho viajar sozinho de avião?

O que fazer para seu filho viajar sozinho de avião?

As férias estão chegando e por isso é muito comum que as crianças e adolescentes viajem para descansar e visitar parentes e amigos nesse período, mesmo que os pais não possam ir juntos. No entanto, antes de começar a planejar essa viagem, é importante que você saiba o que fazer para seu filho viajar sozinho de avião, pois existem algumas regras que devem ser seguidas.

Se você ainda não sabe o que é necessário para essa viagem, você está no artigo certo, continue conosco e tire todas as suas dúvidas a seguir!

Quem pode viajar sozinho?

Muitos pais ficam em dúvida se o seu filho pode ou não viajar sozinho, e a resposta irá variar conforme a idade deles. No Brasil, as crianças que possuem menos de 5 anos completos não podem viajar sozinhas, nem mesmo com autorização dos pais. Nesses casos é necessário que ela esteja com um acompanhante legal ou com algum parente de primeiro grau para fazer a viagem.

Os filhos com idade entre 5 e 12 anos incompletos poderão viajar de avião sozinhos, no entanto, eles deverão contratar um serviço de menor desacompanhado. Esse serviço é disponibilizado pela ANAC, Agência Nacional de Aviação Civil. Também será necessário que a criança tenha uma autorização da vara da infância e da juventude do seu município para que ela consiga realizar a viagem.  Nesses casos, ter uma certidão de nascimento online junto as autorizações pode ser excelente para facilitar o embarque da criança.

Já os adolescentes que possuem entre 16 e 18 anos incompletos podem viajar sozinhos sem nenhum problema, desde que tenha os documentos pessoais em mãos.

O que precisa?

Se o seu filho vai fazer uma viagem sozinho é importante que ele possua vários documentos em mãos para não ter nenhum problema durante a viagem. Mas é importante ressaltar que os documentos exigidos irão variar conforme a idade do seu filho, mas é necessário que eles tenham um documento oficial com foto, certidão de nascimento e autorizações, quando necessário.

Quando custa o serviço de menor desacompanhado?

O preço do serviço de menor desacompanhado irá variar conforme a companhia aérea que o seu filho irá viajar. A seguir eu separei o preço cobrado pelas principais companhias, confira!

Azul

A empresa não transporta crianças de 0 a 4 anos sem acompanhantes, já as crianças entre 5 e 12 anos devem pagar uma taxa de 200,00 para o serviço de menor desacompanhado. Crianças com idade entre 12 e 16 anos não são obrigadas a contratar o serviço.

Latam

As crianças que possuem idade entre 8 e 11 anos precisam ter o serviço de menor desacompanhado, que possui o valor de 149,00. Já as crianças de 12 a 16 anos não são obrigadas a contratar o serviço.

Gol

Para que as crianças que possuem entre 5 e 11 anos possam viajar sozinhas nos aviões da Gol é necessário contratar o serviço de menor desacompanhado no valor de 149,00. Já os adolescentes com idade entre 12 e 16 anos não precisam contratar o serviço.

Conheça o estádio sede de um dos maiores times do Brasil!

Conheça o estádio sede de um dos maiores times do Brasil!

Ter um estádio próprio é a vontade da maioria dos times de futebol, os grandes clubes do país possuem seus próprios estádios ou tem a concessão de uso de grandes locais, como é o caso do Cruzeiro com o Mineirão, onde existe um contrato em que os jogos onde o time for o mandante serão realizados neste estádio em Belo Horizonte.

Mas alguns times, mesmo sendo grandes ainda estão na luta pelo seu próprio estádio, como é o caso do Flamengo, que atualmente divide a concessão do Maracanã com o Fluminense.

Mas até para proporcionar um lugar melhor para treino dos jogadores do Fla o clube possui também o estádio da Gávea e é dele que vamos falar agora.

Onde fica o Estádio da Gávea

O nome pode até parecer autoexplicativo, mas o estádio do Flamengo não fica no bairro da Gávea, mas sim no Leblon, zona nobre do Rio de Janeiro. O nome se deve ao fato de que na época da doação do terreno ele ficava em um antigo bairro conhecido como Freguesia da Gávea, mas que hoje em dia integra o Leblon.

Apesar disso o nome acabou pegando e é como ele é conhecido até hoje, já que é mais popular do que o verdadeiro nome, Estádio José Bastos Padilha.

Jogos no Estádio da Gávea

Desde a sua construção em 1931 até o ano de 1994 o Estádio da Gávea era o oficial do Flamengo. De 1994 em diante, já com uma capacidade para 25 mil pessoas o estádio passou a receber apenas partidas do Flamengo com clubes menores, enquanto os grandes clássicos passaram a serem realizados no Maracanã.

Porém, em 1997 foi feito o último jogo oficial do Fla no estádio da Gávea, uma partida contra o Americano que acabou em 3X0 para os donos da casa.

Desde então todas as partidas com mando de campo do Flamengo são realizadas no Maracanã, onde divide a cessão de uso com o seu maior rival, o Fluminense.

Construção de novo estádio próprio

No começo de 2019 surgiram rumores de que o Flamengo já estava em busca de um local para construir o seu próximo estádio sede, para assim parar de usar o Maracanã para as partidas que sediar, devido as condições do famoso estádio de futebol.

Porém, as negociações para a construção desse estádio foram adiadas pelos próximos 3 anos, devido o contrato com o Maracanã ter sido estendido.

Por enquanto o clube não está pensando em uma construção imediata, mas também não descarta que esteja como projeto em seus planos para os próximos anos.

Enquanto isso o Estádio da Gávea é utilizado pelas categorias de base e em eventos especiais, como foi o caso quando um público com mais de 20 mil pessoas encheu o estádio na apresentação de Ronaldinho Gaúcho como jogador do Flamengo

Conheça as melhores praias do Rio de Janeiro!

Conheça as melhores praias do Rio de Janeiro!

Quando começamos a viajar por destinos de praia com o Nordeste brasileiro, o Caribe e litorais como o paulista, o catarinense e o fluminense, uma das tarefas mais difíceis é classificar as praias.

É uma sequências de praias lindas, cada região com as suas características, mas todas são pequenos pedaços do paraíso na terra. E quando chega no Rio de Janeiro, uma das cidades mais conhecidas por suas praias no mundo, a tarefa fica ainda mais difícil.

Mas eu aceitei este desafio – que eu mesmo criei – e escolhi as melhores praias do Rio de Janeiro. Tem beleza para todos os gostos!

A lista está fora de ordem de preferência – aí já é um segundo desafio que eu preferi deixar para outra ocasião!

01 – Praia de Ipanema

Impossível falar de praias lindas no Rio de Janeiro e não falar de Ipanema. Ela fica no bairro do mesmo nome, na Zona Sul da cidade e é uma das mais frequentadas nas épocas turísticas.

A um quarteirão da praia, em um bar de esquina, nasceu a canção brasileira mais famosa de todos os tempos e uma das mais gravadas e executadas da história da música: Garota de Ipanema, de Vinicius de Morais e Tom Jobim.

A convivência é totalmente democrática: pessoas de todas as regiões e classes sociais, ambulantes vendendo desde comidas gostosas até cangas e artesanato, barracas, pessoas se bronzeando e várias atividades esportivas, sendo duas crescidas na região, o frescobol e o futevôlei.

Curta uma caminhada ou corrida pelo calçadão fechado para veículos aos domingos e o pôr-do-sol maravilhoso, digno de aplausos!

02 – Praia de Grumari

Esta praia paradisíaca fica na Zona Oeste, a uma boa distância da última praia mais movimentada que é a da Barra da Tijuca.

Grumarei é especialmente bela por ainda ter a característica selvagem; ela fica em uma área de preservação ambiental com o acesso restrito. Isto torna ela sem interferências urbanas e disponível para cair em suas ondas ou apenas aprecia-las.

Também é a praia dos surfistas com um mar de ondas altas. Tem a área de morros e da vegetação de restinga. É imperdível e o caminho até lá também é!

03 – Praia de Copacabana

A praia mais famosa do mundo não poderia ficar de fora, não é mesmo?

Copacabana é superlativa em tudo: na extensão, no movimento de banhistas e de turistas e nas suas belezas. Ali também acontecem os grandes eventos de esportes de areia, incluindo uma grande arena instalada durante as Olimpíadas em 2016.

É a praia para quem quer agito, muita movimentação e uma grande e animada feira de artesanato e lembranças todas as noites. A orla tem diversos quiosques servindo as mais diferentes comidas e bebidas.

Na Praia de Copacabana ocorre o maior espetáculo de Réveillon do mundo, com milhões de pessoas concentradas. E ainda com tanta beleza natural, é ou não superlativa?

04 – Praia de Itacoatiara

Atravessando a ponte que une Rio de Janeiro e Niterói e a poucos quilômetros do centro, está a praia preferida dos surfistas, com suas ondas perfeitas.

Não é por acaso que ali acontecem campeonatos de surf e body board durante todo o ano, o mar é agitado mas também é frequentada por famílias para curtir o visual maravilhoso e a música ao vivo às sextas e sábados.

05 – Praia do Leblon

A Praia do Leblon é vizinha de Ipanema e também fica em um bairro que leva o mesmo nome, em uma área nobre da cidade.

Mais tranquila em termos de agito e com águas mais calmas, e perfeita para famílias, grupos de amigos e turistas, ela possui uma infraestrutura ótima no entorno – quiosques, restaurantes, bares e lojas de alto nível. É muito frequentada por moradores do bairro.

Nela pode ter a vista inesquecível do Morro Dois Irmãos e do Pão de Açúcar. São atrações que ficam especialmente belas no entardecer. Vá sem hora pra ir embora!

Gostou dessas praias? Que tal morar em uma delas? Com o apartamentos Leblon você consegue realizar esse sonho!

 

5 esportes para praticar no verão!

5 esportes para praticar no verão!

Vai chegando a estação mais amada pelos brasileiros – o verão – e com ele o astral para praticar esportes, aproveitando o sol e os dias mais quentes, principalmente com as férias.

Depois de ficar esquecida nos dias preguiçosos do inverno e passar pela primavera ainda tirando a gente da inércia, a disposição para se exercitar atinge o auge no verão e as opções são cada mais numerosas.

E o melhor: todas na melhor academia: a natureza, seja no campo e montanhas ou na praia e rios. Tem esporte para todos os gostos e bolsos.

Vamos falar de 5 esportes para praticar no verão e sair definitivamente da preguiça!

01 – Caiaquismo

Este é um esporte bastante difundido no Brasil e praticado em todo tipo de água: mar, rios e lagoas. Ou sejam você pode praticar naquele paraíso nas montanhas – mas certifique-se de que a área permite o uso de caiaques.

Depois disso, é só alegrias: é uma atividade onde você se beneficia da umidade aérea que é muito benéfica para a capacidade cardiovascular, de alto impacto nos movimentos de braços para a remada e com isso queima muitas calorias.

Além disto, o contato tão próximo com a água dá a sensação de liberdade e integração com a natureza.

02 – Mountain Bike

Você é apaixonada por andar de bicicleta? Então o mountain bike é a sua atividade para o verão! A primeira grande vantagem é não ter nenhum aprendizado extra – se você sabe andar de bicicleta, a prática está garantida.

Agora é se preparar para a diversão com saúde: uma bicicleta específica para transpor trilhas e obstáculos em fazendas, estradas de terra, regiões de montanhas com muito ar puro para oxigenar todo o corpo.

Importante estar preparada para ter muita resistência e destreza e assim tirar o melhor proveito de um belo passeio com um esporte saudável.

03 – Stand up Paddle

Esta é uma modalidade que caiu no gosto dos brasileiros, não só nas praias onde ela começou e é mais praticada, mas também em rios e represas.

Consiste de um pranchão onde ficamos em pé e remamos, uma prática excelente para todos os grupos musculares, para exercitar o equilíbrio e a agilidade nos movimentos.

Vale a pena ter as orientações de um instrutor para começar a praticar e rapidamente você estará de pé a maior parte do tempo, se equilibrando com maestria e sentindo-se poderosa com todas as águas aos seus pés!

04 – Frescobol

Sim, o bom e velho frescobol, um esporte tipicamente carioca e que é praticado em todas as praias brasileiras – e em qualquer espaço no campo.

Bastam duas raquetes específicas, diferentes das de tênis, e uma bolinha e pronto: estão garantidas horas de muita queima de calorias, tonificação e aumento de força de todos os músculos e benefícios para a agilidade e a atividade cardiovascular.

Sem contar que é uma excelente oportunidade de socializar e fazer amigos!

05 – Surf

Certamente o mais famoso entre todos os esportes praticados no mar, o surf está sempre ganhando adeptos em todas as praias, principalmente com o sucesso de surfistas brasileiros, motivando mais crianças e jovens.

Pessoas de qualquer idade podem praticar o surf, que vai exigir um equipamento básico – prancha, leash e parafina – para exercitar o equilíbrio e a tomada rápida de decisões em altos níveis.

O mar é imprevisível, então o surf torna-se um duelo no melhor sentido, o que contribuir para melhorar o raciocínio lógico e a autoestima.

Se você tem vontade de aprender a surfar vai precisar de uma prancha de surf para iniciantes.